Concursos 2019 novidades

Vamos entrar o ano de 2019 com várias oportunidades de concursos públicos, e sabemos que para fazemos as provas deveram estar muito bem preparadas, devemos correr a fontes seguras como cursinhos para que nossas notas sejam excelentes. Existem vários departamentos para se fazer um concurso público, podendo ser: Polícia Federal, no município, no estado, para trabalhar em escolas e entre outras funcionalidades.

A dúvida agora é como será o ano de 2019, referente aos concursos públicos?  Já que o Brasil estará mudando a presidência? Então vamos às respostas, já existem mais de 100 concursos encaminhados para o ano de 2019, temos também mais de 40 mil vagas autorizadas, fora que  temos mais de 50 órgãos de concursos autorizados e entre outros órgãos. Se você ainda ficou em dúvida se terá ou não concursos públicos no ano de 2019, pois bem nesta página colocaremos algumas informações principais que vão demonstrar como será o ano de 2019 em uma relação de concursos previstos, para as seguintes áreas tais como: fiscal, executivo Federal e estadual, tribunais, polícia, municipal e entre outras.

Vamos lá, temos algumas informações que a primeira proposta que a lei orçamentária do ano de 2019, publicou no dia 31 de agosto, que as autorizações de pavimentos e algumas criações de cargos de 2019, são mais ou menos 40 mil cargos, muito mais do que foi no ano de 2018. Claro que nós temos que levar em consideração que muitas coisas vão mudar no concurso, porque haverá a concessão dos reajustes salariais aos servidores, e também como a criação de novos cargos públicos e a liberação de novos concursos públicos. Veremos alguns itens de vagas que estarão abertos, temos aqui na primeira linha o executivo Federal, nesta modalidade estará as principais vagas como polícia militar e civil, e também corpo de bombeiros, e no poder judiciário tem também um número considerável para autorizações, e depois temos para outros cargos como a Defensoria Pública, MPU e CNPQ, como também Câmara dos Deputados, senado federal e o TCU.

Deixe uma resposta